Revista Brasileira de Marketing, Vol. 18, No 1 (2019)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

Entre o Bem Estar Social e o Poder Público: uma Análise das Estratégias de Marketing Social em prol da Doação Sanguínea

Jefferson Rodrigues Pereira, Caissa Veloso e Sousa, Helena Belintani Shigaki, José Edson Lara

Resumo


O presente estudo tem por objetivo analisar como as ações governamentais em prol da doação
de sangue são percebidas por doadores, não doadores e potenciais doadores, tendo em vista que enquanto temática de estudos, é uma questão recorrente no âmbito da saúde pública brasileira e cada vez mais analisada à luz do Marketing Social. Para tal, metodologicamente foi desenvolvida uma pesquisa descritiva com duas abordagens: quantitativa e qualitativa. A etapa quantitativa compreendeu uma amostra composta por 641 indivíduos, cujos dados foram analisados por meio da Análise Fatorial Exploratória, que permitiu a identificação de uma estrutura subjacente de uma matriz de dados, determinou o número de construtos e suas respectivas naturezas. Já a etapa qualitativa foi realizada com 31 indivíduos e a entrevistas foram analisadas pela técnica de Análise de Conteúdo, que objetivou a categorização e a busca pelos seus significados. Como principais resultados identificou-se que as campanhas não são realizadas como forma de modificar o comportamento do sujeito, e, sim, como uma ação emergencial para suprir uma necessidade eminente dos bancos de sangue. Nesse sentido, verificou-se uma precariedade das estratégias relacionadas à doação de sangue que empreendidas pelo governo, uma vez que estas vão de encontro à proposta educativa presente na teoria de marketing social. 




ReMark, REMark, Rev. Bras. Mark., São Paulo, SP, Brasil. e-ISSN: 2177-5184

Licença Creative Commons

Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional

Flag Counter